Acerca de mim

A minha foto
Coimbra, Portugal

terça-feira

Benefícios da massagem Infantil


“Os seres humanos não sobrevivem sem o toque, é uma necessidade comportamental básica”.

Dr. Ashley Montagu (Antropólogo)

Massajar o bebé é uma prática natural, ancestral em muitas culturas, com inúmeros benefícios já largamente comprovados.
A massagem é um momento único de partilha, (é uma dádiva especial) que promove o conhecimento de pais e filhos e gera momentos de felicidade/bem-estar no seu crescimento e desenvolvimento.

A pele é o maior órgão do corpo e um dos principais meios de transmissão de estímulos sensoriais ao bebé.
Como seres humanos não conseguimos sobreviver sem o contacto humano. Estudos revelam que o contacto pele com pele é tão ou mais importante do que a alimentação. Este contacto proporciona ao bebé imensos benefícios, já comprovados através de estudos e investigações.
Este conjunto de técnicas simples traz benefícios não só ao bebé mas também aos pais, família alargada e sociedade em geral.
Podemos dividir os benefícios para o bebé em quatro grandes categorias:
  • Interacção, na qual está inserida a promoção da vinculação precoce entre ambos os pais e o bebé, o toque revela amor, respeito, tolerância e empatia. Durante a massagem os pais usam a comunicação verbal e não verbal para interagir com o seu filho, estimulando também as suas competências pré-linguísticas. O bebé está desperto para o mundo que o rodeia utilizando todos os sentidos durante aquele momento especial que lhe dedicam.
  • Estimulação de vários sistemas, entre os quais, o sistema circulatório, em que se promove o aumento de oxigénio e a eliminação de toxinas, sistema gastrointestinal, ajudando na digestão e eliminação; sistema hormonal, verificando-se uma diminuição de hormonas de stress e aumento de hormonas de relaxamento e hormona de crescimento sistema imunitário; sistema linfático, ajuda na drenagem linfática equilibrando o organismo; sistema nervoso, actuando na mielinezação das células nervosas cerebrais; sistema respiratório no qual promove a libertação de expectoração; sistema vestibular (coordenação e balanço), desenvolvimento da linguagem, integração sensorial; consciência mental/corporal uma vez que ao ser tocado em todo o corpo o bebé vai desenvolvendo consciência de cada parte do seu corpo, bem como o seu nome, uma vez que os pais devem dizer o nome da parte do corpo que estão a massajar.
  • O alívio pode ajudar: nos gases e cólicas, na obstipação, nas dores de estômago, no muco em excesso, nas dores de crescimento, na tensão muscular, no desconforto dos dentes, na desorganização do sistema nervoso, na sensibilidade ao toque, na tensão física e psicológica, e amaciar a pele.
  • O relaxamento pode ser demonstrado através de: melhoria dos padrões de sono, ajuda a normalizar o tónus muscular, aumento da flexibilidade, aumento das estratégias de adaptação face a dificuldades; regulação dos estádios comportamentais; estar calmo; melhoria da capacidade de se acalmar (ou auto-regulação); diminuição da hipersensibilidade e menor hiperactividade.
Para os pais:
- Melhora a capacidade de interpretar os sinais não-verbais do bebé;
- Renova a confiança nas suas capacidades parentais;
- Promove a intimidade e cumplicidade com o bebé, desenvolvendo o respeito por ele;
- Tranquiliza-os quanto ao seu desempenho parental.
Fonte: Massagembebes.com

Sem comentários:

Enviar um comentário